Caçapava do SulDestaque

Preparativos finais para o Carnaval 2018

Além da escolha da corte, haverá desfiles, bailes e uma exposição inédita no Museu

Neste ano, o Carnaval acontece nos dias 10, 11, 12 e 13 de fevereiro. A Secretaria de Cultura e Turismo já está com a programação definida para os desfiles e bailes. Antes de começar os dias de folia, acontecerá a escolha da corte, na sexta-feira, 2 de fevereiro, à partir das 20h, no salão do Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais. “Já temos várias pessoas inscritas, e este ano o diferencial é que qualquer pessoa poderia se inscrever, não precisando estar vinculada com alguma entidade carnavalesca. As inscrições encerram na quarta-feira e está aberto para toda população concorrer”, destaca o secretário de cultura e turismo, João Timotheo Esmério Machado.

Sobre a organização do evento, o secretário destaca que foi trabalhado em conjunto com os agentes de cultura. “É importante que os carnavalescos se movimentem e caracterizem a festa, até mesmo para fomentar novos agentes de cultura na cidade”. A expectativa é reunir mais de 15 mil pessoas nas quatro noites. “Temos escolas e blocos de cidades da região que já entraram em contato conosco para participar do nosso Carnaval”.

Para o dia 10 está programado o desfile das escolas de samba e depois o baile. Já na tarde do dia 11 está previsto o baile infantil, à noite, o desfile das escolas de samba da cidade e na sequência o baile. Para o dia 12 a Secultur está nas tratativas finais para realizar uma apresentação de integração com os carnavalescos das cidades da região. E no último dia também haverá baile infantil, desfile e o baile de encerramento.

Os desfiles estão previstos para iniciar às 21h, a concentração das escolas de samba e blocos acontecerá no cruzamento entre as ruas Coronel Coriolano Castro e XV de Novembro, e o percurso será até a frente do palco que ficará no Largo Farroupilha, em frente ao Centro Municipal de Cultura Arnaldo Luiz Cassol.

“Outra novidade deste ano é que as escolas de samba serão avaliadas e a escola campeã, junto com a corte, ganharão uma viagem para Porto Alegre para acompanhar o desfile no dia 24 de março”, destaca Timotheo. Nos desfiles, será feito uma avaliação geral da apresentação das escolas, os jurados analisarão harmonia, coreografias. “Será uma nota geral para a apresentação de cada escola”, disse.

Para o evento, está previsto a participação de bandas locais e DJs. Já na parte da estrutura, este ano não haverá o lonão para os foliões. “Carnaval é um evento a céu aberto, é na rua, não há necessidade de um lonão, inclusive pela acústica, pois abafa o som”, explica. O palco para apresentação das bandas será coberto, garantindo a festa, mesmo com chuva. Além disso, será montada uma praça de alimentação em frente a Igreja Matriz, com aproximadamente 20 vendedores e também serão colocados banheiros químicos.

Sobre a segurança, o secretário destaca que as tratativas iniciaram ainda no ano passado. “O capitão da Brigada Militar garantiu um reforço de efetivo, justamente porque tanto o prefeito, como a secretaria buscou com antecedência apoio junto a Secretaria de Segurança Pública do Estado e também no esquadrão local”. Também haverá o serviço de segurança particular.

O secretário comenta ainda que este ano toda a tramitação foi realizada através de edital. “Tudo correu dentro dos prazos e para o próximo ano haverá mudanças na organização do evento, justamente pela necessidade da adequação dos grupos diante das novas leis”, explica. Com o apoio do Ponto de Cultura também está sendo estudado algum repasse para auxiliar as escolas de samba.

Timotheo comenta ainda que o Carnaval foi planejado para ser uma festa para toda família e que a equipe da Secultur vem trabalhando para que tudo ocorra conforme o planejado. “Carnaval é uma festa familiar, é para todas as idades aproveitarem, por isso pedimos para a população cuidar com os excessos e também cooperar com a limpeza da cidade”.

Para a próxima semana, o Museu Lanceiros do Sul dará início a uma exposição sobre o Carnaval de Caçapava do Sul, com peças de carnavais antigos e fantasias de carnavalescos. “Será um material inédito, a exposição ficará disponível até o final do mês de fevereiro”, finaliza o secretário. Durante o Carnaval, o Museu funcionará no seu horário normal de atendimento, das 9h às 15h.

 

 

Por Carol Petrin – MTE 17.708/RS

Luís Carlos Machado

Jornalista MTE 18.013/RS Graduado em Marketing

Deixe uma resposta

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios