Caçapava do SulCoronavírusDestaqueGeralPolíticaSaúde

Prefeitura emite normativa transitória

O Prefeito Giovani Amestoy se reuniu nesta quinta-feira (30) com o Comitê Caçapavano de Combate à Pandemia do Coronavirus (Covid-19) para discutir medidas provisórias sobre o distanciamento social controlado no município baseado nas normativas transitórias anunciadas pelo Governador Eduardo Leite.

Foi decidido que o Município de Caçapava do Sul emitirá, assim como o Governo do Estado, um Decreto transitório que será valido para a população até terça-feira ( dia 05). O Governador anunciou que na semana que vem deve emitir novo decreto sobre as medidas baseado na classificação das bandeiras direcionadas para cada região)

Neste Decreto Municipal transitório, será feito um horário especial ao comércio local válido a partir de sábado, dia 02, quando as lojas poderão abrir das 9h às 17h e também será permitido abertura no domingo (03) das 9h às 17h; segunda (04) das 9h às 17h e terça (05) das 9h às 17h. Essa flexibilização ocorrerá devido a data do Dia das Mães (que será celebrada no domingo dia 10 e que é a segunda data que mais movimenta o comércio do país).

A Prefeitura consultou o Ministério Público sobre as normativas. Os demais comércios seguem as normativas e horários anteriores. “Nós vamos flexibilizar o horário para estudar se isso diminuirá as aglomerações que ainda ocorrem em alguns comércios e para que os estabelecimentos possam buscar manter as suas economias com a venda desta data. Mas, salientamos à população a importância do isolamento social, e da importância de se sair de máscara nas ruas, pois é sabido que o uso das máscaras reduz significativamente a possibilidade de contágio”, explicou o Prefeito Giovani.

Na terça-feira (05), quando o Governo do Estado já deverá ter informado as medidas do novo Decreto que deverá valer até pelo menos a primeira quinzena de maio, o Comitê caçapavano se reunirá novamente para anunciar novas medidas baseados nos Estudos de flexibilização com dados sobre contágios e de segmentação regional (que são as bandeiras com cores para cada região que está em fase de definição).

No anúncio feito, o governador Eduardo Leite confirmou que as aulas da educação pública seguem suspensas até dia 15 de maio, quando será antecipado o recesso de julho (férias de 15 dias) e que, em junho, as aulas deverão ser retomadas.

Luís Carlos Machado

Jornalista MTE 18.013/RS Graduado em Marketing

Deixe uma resposta

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios