Colunistas

Quem foi que criou este monstro?

Chico Lopes

Eu sou do tempo em que o Rincão dos Saraivas  onde eu me criei, quando chegava Agosto ou Setembro amanhecia verde e quando anoitecia estava preto, terras aradas para todos os lados, juntavam muitos pequenos proprietários e iam arar  a terra do Vizinho, depois , terminada aquela passavam a do próximo vizinho  e assim sucessivamente de vizinho em vizinho plantavam e colhiam de tudo.  Não existiam filas na Assistência Social.Na época de colher era a mesma coisa quando se tratava de trigo uma trilhadeira estacionária chegava e com ela todos os homens de vizinhança para ajudar no trabalho; era muito mais uma festa de alegria que trabalho. Todos tinham suas juntas de bois ou cavalos lavradores normalmente mais de uma junta  ou cavalo.Hoje não se vê mais isso, nem juntas de bois ou cavalos que façam o mesmo  porque tem Secretaria de Meio Rural que faz este trabalho.Em função disso o poder público foi sendo penalizado com a responsabilidade da produção que lhe não era devido mas que foi aceito , criando uma situação  paternalista onde alguns produtores, e eu repito alguns produtores amanhecem na fila desta secretaria para pedir capinadeira( fato que eu já presenciei, ninguém me disse) trilhadeira de feijão, grade aradora e o escambal. Infelizmente, muitos produtores não querem trabalhar e sim que o município faça seu serviço.Foi transferido para o poder público uma responsabilidade a mais, ou melhor, foi puxada pelo executivo com que intenção mesmo? Vejo todo dia , a luta do município para manter funcionando esta secretaria ( sou funcionário público municipal do setor de licitações e compras)que custa extremamente caro aos cofres públicos e que no meu entendimento deveria sim existir mas em outros moldes,como assistência técnica de agrônomos , técnicos agrícolas Veterinários e etc. Mesmo que seja pago o trabalho das máquinas compradas com o dinheiro de todos, não cobre 30% do custo de manutenção.Algo que foi criado com fins  eleitoreiros e ninguém tem fibra para modificar.Por outro lado, aqueles que financiam as campanhas eleitorais dos candidatos eleitos passam a ter prioridades no uso das máquinas mesmo que  tenham  as suas em seus galpões paradas para não estragar enquanto usam as máquinas públicas,  em detrimento daqueles que realmente precisam ,já vimos esse filme aqui em Lavras.A velha história do toma lá da cá que beneficia sempre os mesmos corruptos no município , aqueles mesmos que criticam os corruptos da Capital Estadual ou Federal de quem são a base política em pequena instância.  Quem foi que criou este monstro?

Luís Carlos Machado

Jornalista MTE 18.013/RS Graduado em Marketing

Deixe uma resposta

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios