Colunistas

 A Família e a Escola


Fico estarrecido com o alto índice de professores agredidos nas escolas  por alunos e como se não bastasse pelos pais que defendem os filhos pelo simples fato de serem seus filhos, certos ou não. Isso está virando caso de polícia por incrível que pareça. lembro-me que na década de oitenta   se   não me falha a memória existia um programa humorístico onde o  o personagem principal era o Jô Soares que num determinado momento do programa dizia: Tem pai que é cegooooooo !!!! Estamos agora vendo este quadro terrível   onde os filhos, alunos agridem os professores nas escolas, moral e as vezes fisicamente  , os pais são chamados para resolver a questão  e agridem também porque  seus filhos sempre tem  que ter  razão . A legislação  é  ótima mas mal  interpretada , até para tirar um celular de um aluno tem que ter muito cuidado porque poderá parecer agressão física e ai o professor estará exposto as leis que favorecem a indisciplina e a falta de educação .Se estragar o aparelho a escola será responsabilizada ou o professor mesmo que p aparelho já venha estragado de casa , esse golpe eu já vi  .  Em virtude disso, algumas escolas preferem permitir que o aluno leve consigo o celular para a sala de aula e ai além de não concentrar-se no que está sendo ensinado poderá ainda perturbar quem quer estudar e aprender. Alunos vem para a escola cheirando mal e se o professor reclamar mesmo que educadamente pode ser penalizado porque será ou poderá  ser  acusado de ter humilhado o aluno.É claro, que existem casos em que os alunos não tem água em casa e ai a higiene fica prejudicada e isso tem que ser considerado sim , a vulnerabilidade social é uma realidade triste e ampla em nossos tempos. A questão é ;  para onde vai este mundo  em que  os educadores tem que fazer vistas grossas para os abusos para não se incomodar  , ou para não ser agredido? Sim , para não apanhar mesmo, ano passado em Caçapava numa das escolas em que minha esposa trabalha uma professora foi agredida por mãe de alunos.  (Este caso está na justiça e eu não lhe  conheço o desfecho). estes pais que absolvem estes filhos hoje diante dos desrespeitos aos professores   , será que poderão absolvê-los diante de um Magistrado  quando saírem a rua cometendo os mesmos deslises que os pais apoiaram? Não senhores pais e senhoras mamães, só lhes restará lamentar mesmo que tardiamente o delinquente que vocês fabricaram dentro de casa  dando-lhe sempre razão em tudo que faziam. Claro, não podemos achar que os professores são perfeitos, alguns cometem seus equívocos mesmo , já fui presidente de CPM e de Conselho escolar convivi com este problema algumas vezes, fui diretor de uma instituição municipal durante 8 anos  e aprendi  , que  não é de outra forma ,que não com  uma união fraternal entre escola e família que as coisas se resolverão. Outro fator  que contribui para que estes desmandos aconteçam é a política escolar  que fala mais alto.  O diretor(a) precisa dos votos dos alunos acima de uma determinada idade que não lembro agora ou que esteja cursando a quinta série para se eleger , de seus pais  também e nesse caso não quer perder votos e como os professores são minoria faz que não vê algumas coisas para manter a maior fatia do eleitorado a seu lado . É claro, isso não é uma acusação mas uma constatação  que fiz ao longo do tempo em que trabalhei   e  continuo trabalhando com comunidades escolares  inclusive no projeto mais educação como voluntário. É muita omissão do poder público especialmente . O Estatuto a Criança e do Adolescente  deixa claro que a partir dos Doze anos  já se pode registrar queixa na delegacia e ele ou ela  e seus pais serão colocados na frente do Juiz  e só assim   será colocado ” freio ” , limite nestes projetos de tiranos que mandam em casa e querem mandar na escola também , e pasmemos; com apoio dos pais.Jamais alguém na minha pequenês  teria a pretensão de servir de exemplo para quem quer que seja mas minhas filhas nunca tiveram problemas com professores porque sabedor que sempre fui de que elas são  gente como os filhos dos outros, nem melhores e nem piores poderiam cometer os mesmos erros  , sempre ficou bem claro que o que valia era a palavra do professor. Enquanto acharmos que os nossos filhos são melhores que os filhos dos outros , acharemos que estão certos quando cometerem os erros que condenamos nos filhos alheios. O meu pode , porque??? Também quero deixar claro que não estou me colocando contra a comunidade estudantil , mas sim contra os abusos que estão ficando impunes por medo , política  e ou desconhecimento da legislação vigente. Aluno problema são a minoria  e a maioria desta minoria é feita pelos próprios pais. Então ; isso significa que o problema é o mesmo de sempre, falta de educação  e isso  é em casa que se aprende e não na escola.

Luís Carlos Machado

Jornalista MTE 18.013/RS Graduado em Marketing

Deixe uma resposta

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios