GERAL - 09/10/2017 - 13:15:20 (33 cliques)
Município consegue mais de R$700 mil de recurso do Decreto de Emergência de março

Caçapava do Sul deverá receber R$ 771.157,80 de repasse do governo Federal para recuperação de pontes e estradas, conforme plano de aplicação solicitado em março deste ano, quando o Município Decretou Situação de Emergência por conta das chuvas. O anúncio do valor foi veiculado no Diário Oficial da União terça-feira (03) e confirmado pelo Secretário de Planejamento e Meio Ambiente, Flávio Monteiro.
 
Na ocasião, diversas regiões ficaram ilhadas por conta da queda de pontes e cabeceiras, que foram levadas pelas enchentes dos rios, além de que inúmeras ruas que foram danificadas e ficaram sem condições de trafegabilidade por conta de erosões e até desmoronamentos. A Secretaria de Assistência Social relatou que 16 famílias foram socorridas com a entrega de telhas e lonas por conta das tempestades.
 
Quando do Decreto, a Secretaria de Planejamento, através da Defesa Civil, a Secretaria de Obras e o vice-prefeito, Luiz Guglielmin, se reuniram com o coordenador Regional de Proteção e Defesa Civil, Major Rinaldo da Silva Castro e seu adjunto, Sargento Adão Roberto, para avaliar a situação de Caçapava do Sul. O Secretário Geral, Nei Tavares, o secretário-adjunto de Obras, Ariovaldo Gomes e Gilnei Marques, da Defesa Civil local também participaram da reunião apresentando imagens e dados feito pela equipe municipal.
 
O prefeito Giovani Amestoy e o secretário Flávio Monteiro estiveram em Brasília, posteriormente ao levantamento de dados dos danos causados, na Casa Civil, onde solicitaram a intervenção do Ministro Eliseu Padilha para a recuperação do município:
 
“Nós havíamos feito a solicitação do recurso à Defesa Civil, mas nos foi negado em primeiro momento, sendo repassado somente às cidades em Estado de Calamidade. Então dialogamos com o assessor do Padilha, Marcos Antônio de Carvalho e com o chefe de Gabinete do Ministério da Integração, Gustavo Canuto, que conseguiram reincluir Caçapava entre os municípios beneficiados”, disse Monteiro.
 
O prefeito frisou a importância da solicitação feita em Brasília, diretamente na Casa Civil e também com o Deputado Pompeo de Mattos e agradeceu ao empenho dos Secretários Flávio Monteiro, Paulo Henriques e seu adjunto, Ariovaldo Gomes, da Defesa Civil caçapavana, do vereador Paulo Pereira e seu intermédio junto ao Deputado Fed. Pompeo de Mattos, do vice, Guglielmin, e dos servidores municipais "na elaboração do levantamento dos danos causados ao município e na busca efetiva do recurso, que será aplicado nos pontos afetados".
 
Em junho, em reunião com os municípios que decretaram situação de emergência organizado pela Famurs, e contou com a presença de Amestoy e  Monteiro, a pesquisa realizada apontou que os municípios gaúchos estimavam em R$117 milhões os prejuízos causados pelos estragos das chuvas, nas mais de 213  cidades do Estado que foram afetadas. 
Fonte: A. I. Prefeitura Municipal de Caçapava do Sul
© CaçapavaOnline.net 2014 - Todos os direitos reservados.